28 de mar de 2010

Exercício de Portfólio – Bloco 4

Suponha que você ocupe um cargo de liderança em sua agência. Que argumentos apresentaria para convencer a sua equipe de liderados para que fosse obtido o comprometimento com um projeto interno do BB sobre Gestão Socioambiental que não redundaria em ganhos salariais diretos aos seus colaboradores? Cite, no mínimo, 4 argumentos.

Estabelecimento de política interna de redução de spread nas concessões de crédito às micro e pequenas empresas, freqüentemente não abrangidas pelas salvaguardas estabelecidas pelo protocolo de Princípios do Equador, com o intuito de incentivar o desenvolvimento de negócios sustentáveis. Esta prática visa impulsionar o aumento de densidade de projetos com enfoque socioambiental, considerando que tais práticas são estimuladas, seja por exigência da legislação ou por abordagem mercadológica, a um número restrito de empresas, com grandes orçamentos e investimentos. No entanto, embora o montante aplicado pelas micro e pequenas empresas (MPE) seja, de regra, substancialmente inferior, seu número muito superior em relação às grandes corporações resulta em volumes aplicados muito mais expressivos, e talvez tão importante quanto o orçamento aplicado em projetos socioambientais seja o processo de interiorização destes projetos, que muitas vezes restringem-se às áreas de atuação das grandes empresas, geralmente concentradas em grandes centros ou circunjacentes às suas plantas operacionais. Desta forma, embora o projeto proposto resulte em perda de receita em horizonte de curto prazo, argumenta-se:

  1. A adoção de práticas socioambientais é premissa da continuidade dos negócios, e a partir desta constatação torna-se prática imprescindível para a perpetuação do conglomerado a implantação de estratégias negociais de longo prazo que assegurem a rentabilidade futura e o posicionamento da empresa em um cenário de conscientização socioambiental da população consumidora de serviços financeiros;
  2. Estudos recentes apontam que investimentos socioambientais apresentam índices de inadimplência menores, em relação aos negócios tradicionais sem enfoque sustentável. Este fato, por si só, equaciona a redução de lucratividade originada pela redução das margens operacionais concedidas a título de incentivo socioambiental;
  3. A implantação do projeto oportuniza à empresa a institucionalização das práticas do denominado marketing verde ao desenvolver um novo produto (crédito para empresas com preocupação socioambiental) e propicia a projeção do conglomerado como uma instituição alinhada com os anseios da população em relação às práticas sustentáveis;
  4. A adoção do projeto propicia a mitigação de riscos de imagem ao reduzir a probabilidade de envolvimento com companhias em situação de acidente ambiental com financiamento direto da atividade pelo conglomerado, a medida que paulatinamente mais empresas do segmento MPE incorporarão enfoque socioambiental ao negócio para fazer jus a taxas menores e condições diferenciadas de financiamento;
  5. Por fim, a adoção desta prática entra em ressonância com os objetivos institucionais da organização ao propiciar incentivos ao grande motor da economia nacional, o segmento das micro e pequenas empresas, e propicia a disseminação de práticas socioambientais em todas as regiões do país.

Nenhum comentário: